Empoderamento Da Mulher Negra

COMO ESTABELECER METAS E TRAÇAR PLANOS PARA 2018

dezembro 18, 2017

Para começar 2018 com o pé direito, ou como diriam na minha época "com a corda toda" a maioria das pessoas gostam de traçar metas a serem atingidas, eu não sou diferente, muitos de nós não são, é mais fácil trabalhar com metas e é bom ter objetivos na vida, não se preocupe. Mas, na hora de traçar essas metas é normal que fiquemos confusos e as vezes sem saber por onde começar, então se você é um desses que ainda não pegou o caderninho para traçar as metas de 2018 este post é uma boa maneira de começar a se programar. 

Designed by Freepik


1. ANOTE TUDO QUE VOCÊ DESEJA INDEPENDENTE DA ORDEM QUE ESPERA QUE ISTO ACONTEÇA

Faça uma lista completa dos seus objetivos, desejos e metas a serem cumpridas no próximo ano, não importa se são coisas fantásticas ou inalcançáveis, apenas anote tudo, se deseja comprar um carro, plantar uma árvore, se casar, ter um filho ou escrever um livro, anote todos estes desejos na ordem que vierem a mente. Isto é importante para que você comece a pensar no que realmente quer, afinal, muita gente se propõe a traçar resoluções de ano novo, mas sequer parou para pensar o que realmente espera do ano que está por vir. 

2. NA SUA LONGA LISTA DE DESEJOS SEPARE OS POSSÍVEIS DOS IMPROVÁVEIS

Agora é hora de tornar-se um pouco mais realista a sua lista de planos para 2018. Separe aquelas coisas que você consegue fazer, seja sozinho ou com uma rede de apoio, daquelas que você precisaria, até então, de um milagre para que elas se tornassem realidade. Por exemplo, estão na minha lista de metas para 2018 tirar habilitação para dirigir carros e comprar um carro, tirar habilitação é possível, não que seja fácil, mas, comprar um carro precisa de uma ajudinha extra dos orixás para que isto aconteça, uma grande ajudinha eu diria. 

3. DOS DESEJOS POSSÍVEIS DIVIDA EM NÚMEROS IGUAIS (NA MEDIDA DO POSSÍVEL) PARA OS 12 MESES DO ANO

É preciso ter em mente que nem dá para fazer tudo em janeiro, muito menos dá para deixar tudo para dezembro, então é preciso ter planejamento para que boa parte dos seus planos para 2018 saiam do papel. E, conforme for realizando os objetivos é como se avançasse mais níveis em um jogo, assim fica muito mais fácil cumprir suas metas no ano novo, lembra de quando éramos crianças e disputávamos com nós mesmos conseguir chegar a uma esquina ou a um determinado ponto da rua? Pois bem, isto vai funcionar mais ou menos assim, uma disputa de você com você mesmo para que tudo seja feito.

Projetado pelo Freepik

4. NÃO PERCA SUAS METAS DE VISTA E NADA DE PULAR ETAPAS

As suas anotações devem ficar visíveis para você o ano todo e, não perca o foco nas suas metas. O jeito mais comum de desistir dos seus objetivos é a autossabotagem, você não consegue a primeira, enrola na segunda, desiste da terceira e passa por cima de tudo que poderia ter conseguido sem ao menos tentar. Não tem nenhum problema trocar a ordem no meio do caminho, o que não se deve fazer a simplesmente abandonar aquilo que você planejou para você mesmo. Se não consegue cumprir promessas feitas a você mesmo, acha que vai conseguir cumprir algo para alguém?


5. NINGUÉM COMEÇA UMA CASA DE CIMA, VAMOS COM CALMA

Com os objetivos divididos em possíveis e improváveis, com a ordem, planejamento e sem autossabotagem o que você ainda precisa é paciência, isto mesmo, paciência. As coisas vão acontecer quando você trabalhar por elas, mas, ninguém começa uma casa do teto, se seu objetivo é ter um cabelão em dezembro, você não vai ganhar 10 centímetros de cabelo logo na primeira semana de cronograma. Ou, se seu objetivo é comer melhor, você não conseguir se livrar de todas as guloseimas e porcarias na primeira semana de 2018, reeducação alimentar leva tempo. Portanto, não se cobre com metas sobre-humanas, você vai precisar de tempo para conseguir e isto é normal. 


Projetado pelo Freepik


6. ENTENDA, VOCÊ SÓ PRECISA PROVAR ALGO PARA VOCÊ MESMO

Estabelecer metas para agradar amigos, família, filhos, companheiro, cachorro, periquito ou papagaio não adianta nada, só você conhece seus próprios limites e tornar seu objetivo de o ano agradar alguém só vai dificultar que suas metas sejam atingidas. Trace metas que te preencham, te deixem feliz e não sejam uma obrigação chata e pedante que te deixe com preguiça de cumprir. Lembre-se estão por vir trezentos e sessenta e cinco dias para você ser feliz, é claro, vão existir dias que não somos felizes, afinal, ser adulto é isto, mas, se você traçar objetivos para te deixar mais tristes vai estar dificultando o processo e de difícil já basta a vida de adulto, não é mesmo?


Depois de tudo isto, vai ficar muito mais fácil traçar metas realizáveis para o próximo ano e, quem sabe, chegar ao final de 2018 com boa parte delas realizadas. Boa sorte e feliz ano novo!

Você também pode gostar disso

0 comentários

Deixe aqui seu comentário, dica ou feedback!

FACEBOOK

RECEBA AS NOVIDADES POR E-MAIL