#Moda

COMO COMPRAR ROUPAS NO BRECHÓ? CINCO DICAS VALIOSAS

janeiro 02, 2018


Em busca de um comportamento sustentável muitas pessoas têm voltado seu interesse para as compras em brechós. O bom e velho bazar voltou a ser moda entre os consumidores, além do motivo principal que é a economia de preço, outras razões importantes levam os consumidores a voltarem seu olhar para as peças que já foram alegria de outras pessoas como, por exemplo, o fato de reduzir o consumo, a exclusividade das peças e a possibilidade de ter um estilo próprio numa época onde a moda é feita em série sem pensar muito nas particularidades de cada corpo, é uma moda para massa nas lojas consideradas "populares". Nem todo mundo gosta de ter "roupas iguais às de todo mundo" e a outra ponta, em matéria de preço, da linha de exclusividade está nos brechós, com toda certeza. 

Mas, não é tão simples assim entrar no brechó, encher as sacolas e pronto, para voltar para casa com a missão cumprida é preciso ter a noção de que algumas dicas são importantes. É comum ouvir as pessoas perguntando como é que as pessoas que compram em brechó conseguem ser tão estilosas, enquanto outras pessoas vão aos brechós e só encontram "roupas velhas" e que não são necessariamente bonitas, segundo o gosto delas. 

Algumas dicas podem te ajudar na hora de ir ao brechó, em todos, dos bazares da igreja aos brechós conceituais que tem aparecido pelas cidades e lembre-se: o que faz mesmo diferença é o seu olhar sobre as peças, não o preço que você vai pagar por elas, o que na maioria das vezes tem mais a ver com fama do que qualidade, então os bazares aí do seu bairro também podem surpreender você. 


Antes de mais nada é preciso se conhecer e entender o que te veste bem, isto não tem a ver com ser gorda ou magra, alta ou baixa, mas, conhecer seus pontos fortes e o que quer valorizar, assim como algo que não queira dar tanto destaque, isso é importante porque as vezes vemos um modelo de roupa em alguma revista ou blogueiras que seguimos na internet e corremos atrás nos brechós, mas, no corpo é outra coisa, não é mesmo? Cada corpo tem seu ponto forte e você precisa conhecer o seu (ou os seus) para se vestir bem e de maneira confortável. 

Não adianta achar que brechó é divido por sessões como as suas lojas de departamento favoritas, não é não, sem paciência e tempo para procurar as peças a possibilidade de você sair de um bazar achando que não tinha nada que lhe agradasse é bem grande Quanto mais simples o brechó, maior a chance das peças estarem, no máximo, divididas apenas por "masculino x feminino" e se você não tiver tempo para vasculhar as duas partes você pode acabar perdendo peças incríveis para compor looks maravilhosos, inclusive utilizando peças consideradas "masculinas" para fazer isto. 

Esta é a parte que as inspirações podem te ajudar e muito: como combinar peças totalmente diferentes e montando looks criativos. Já pensou que vestido e calça pode ficar lindo? ou uma camisa com um short? As possibilidades são infinitas e as vezes tudo que você precisa é de um empurrãozinho inspiracional. Sites como Pinterest e Tumblr são boas fontes de inspiração para ter ideias de looks "diferentões" e que tem toda carinha de brechó.


Lembre-se sempre: moda passa, estilo não! Esta máxima é mais que verdadeira e sair comprando peças que estão no brechó, mas voltaram a moda agora, como os vestidos de veludo molhado no ano passado, por exemplo, talvez não seja a ideia mais acertada se você não gostar deste tipo de peça. A moda é cíclica, vira e mexe ressuscitamos alguma tendência do passado o que não quer dizer que só porque "está na moda" você precisa enfiar isto no seu estilo e está tudo bem.

Uma última dica muito importante é: dê uma boa olhada no seu armário antes de se jogar nas comprinhas de brechó, não é porque as peças geralmente são baratinhas que você deve comprar todas as peças disponíveis, afinal, não é por conta do preço baixo que devemos abandonar o consumo consciente e responsável, se o foco é reduzir o consumo, a longo prazo também reduzir o lixo que produzimos, então olhe bem o que você já tem para não cair na tentação de comprar só por impulso no bazar.

Seguindo estas dicas é bem provável que você vá as compras muito melhor preparada e volte para casa com a sensação de dever cumprido: peças bonitas, baratas, que vão combinar com muito do que você já tem e valorizando seu estilo próprio.

Você também pode gostar disso

0 comentários

Deixe aqui seu comentário, dica ou feedback!

FACEBOOK

RECEBA AS NOVIDADES POR E-MAIL