Afroempreendedores

ROLOU EM BEAGÁ: BAZAR DEUSAS URBANAS

outubro 14, 2015

Foto: Dalila Flor

Oi leitoras e leitores empoderados, tudo bem com vocês?
O post de hoje é para contar de um evento super legal que aconteceu aqui em Belo Horizonte no último final de semana! A Feira DEUSAS URBANAS reuniu no Bairro Floresta região leste da capital, afroempreendedores, blogueiras negras, ativistas digitais, imprensa negra, coletivos negros e simpatizantes do movimento neste domingo (11 de outubro).
O objetivo desta feira é promover o empoderamento feminino negro através da valorização da estética além de promover a integração entre consumidores e produtores negros, fazendo a economia do nosso povo girar para nós, conosco e principalmente a nosso favor! O que eu quero dizer com isto?
Muitas marcas tem produtos e até mesmo linhas inteiras voltadas para o público negro mas muitas destas esquecem que além de produzir "para nós" precisam estar conosco e principalmente do nosso lado. Quer um exemplo? Não adianta nada produzir uma linha de produtos para cabelos afro por exemplo e na hora de lançar, não convidar consumidores negros para conhecer os seus produtos. Outro exemplo? Não adianta produzir milhares de produtos para os cabelos crespos/cacheados e colocar todo o marketing voltado para mostrar o quanto o nosso cabelo "é ruim" e precisa daquele produto para ser "melhor".
Os afroempreendedores individuais presentes no evento tem toda essa preocupação de produzir para nós, conosco e ao nosso lado. Ponto para eles!



Foto: Damiana Rodrigues
NÓS DO CABELO - O evento proporcionou ainda, uma roda de conversa com mulheres negras que realizam trabalhos importantes de empoderar e conscientizar o povo negro, Stefaniny Ratto e Jessica Pinheiro que estavam presentes nesta roda são as idealizadoras de um projeto que busca demonstrar que o assumir o cabelo natural é muito além de "modinha" ou "estética", é sim um ato político de afrontar este padrão "liso" da sociedade.


JORNAL AFRONTA - A Jornalista Etiene Martins, contou sobre o seu trabalho no Jornal Afronta e sobre como surgiu a ideia de criar a publicação. Fortalecer a mídia negra nacional é fundamental para que nós tenhamos aquela famosa sensação de pertencimento a qual eu vivo reforçando aqui no blog! Se você liga a tv e se sente na Europa assim como eu por diversas vezes, será que não está na hora de desligar e procurar um canal onde você se veja? Sabemos disto nas mídias digitais mas a Etiene que hoje é editora chefe do Jornal Afronta, resolveu tornar isto palpável! Neste projeto feito com muito amor e pouca grana, a jornalista conseguiu colocar para circular em Belo Horizonte um jornal feito de nós para nós, com a intenção de informar e formar a opinião dos negros da nossa região.


Foto: Dalila Flor
O evento contou ainda com a cobertura do blog Criando Borboletas escrito pela Dalila flor! Com uma visão politizada sobre o assunto cabelo x empoderamento feminino, a Dalila estava lá registrando tudo!
Estavam presentes também os integrantes do Coletivo Na Raça, prestigiando o evento e disseminando as ideias do trabalho bacana que eles já desenvolvem na cidade.
Foto: Coletivo #NaRaça




A próxima parada da feira é em São Paulo no dia 14 de Novembro e você pode acompanhar todos os detalhes pela página do evento. Eu se fosse vocês não perderia este encontro. Colar no quilombo é sempre fortalecedor!

Abraço a todos até o próximo post.


Você também pode gostar disso

0 comentários

Deixe aqui seu comentário, dica ou feedback!

FACEBOOK

RECEBA AS NOVIDADES POR E-MAIL